sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

AINDA ADMIRO O RESPEITO

Poderia existir uma forma melhor de parar os cartunistas sem que fosse necessário ceifar vidas humanas, mas infelizmente vivemos em um período em que ser radical além do extremo não desperta as autoridades no sentido de criar leis democráticas para proteger a honra e o respeito das inúmeras culturas do mundo.


Defendo severamente a liberdade de expressão edificadora, não liberdade destruidora de ilusões que muitas vezes contribuem para o equilíbrio de uma nação.

Nenhum comentário: