domingo, 9 de novembro de 2014

O CAMINHO QUE ME LEVA À TRISTEZA


Sempre que vou à pequena comunidade de Conceição, no município de Catolé do Rocha Paraíba, é pelo motivo das perdas do meu maior tesoura aqui na  terra: minha família.
  
Tudo começou quando eu ainda tinha 3 anos de vida quando perdi meu pai, hoje tenho 44, durante todos estes anos vividos, passei por este caminho por muitas e muitas vezes, todas elas pelo mesmo motivo.

Este é o caminho da tristeza, o caminho da minha decepção com a vida. Pelas curvas desta esquisita estrada de chão, passaram meu pai antes que eu conhecesse; meu avô, o meu herói; minha avó que era quase uma santa para mim; vários tios queridos e primos. Todos os citados vieram por aqui em suas últimas viagens.

Um dia desses, serei eu mais um dos passageiros que vai para ficar como os outros ficaram. Uma realidade dura de mais de se encarar

Nenhum comentário: