sábado, 20 de setembro de 2014

UM PÁSSARO CALOPSITA PROVAVELMENTE PERDIDO


Ontem, por volta das 13h,  momento em que a  temperatura de Mossoró estava nas alturas, o grito de um pássaro despertou minha curiosidade.

Quando sai para ver, era este bichinho ai da foto. Ele gritava a toda altura, e saltando de um lugar para outro sobre a estrutura do telhado de uma oficina, no bairro Aeroporto.  
Parecia muito assustado, os gritos dele eram de quem estava com fome sede e apavorado, sem direção.

Provavelmente este pássaro era criado em cativeiro, fugiu de algum viveiro e estava agoniando no calor de Mossoró sem ter habilidade alguma para sobreviver de forma natural.

Tive vontade de capturar o pássaro, mas era impossível chegar perto, alem de gordinho, não tenho um par de asa.



Este é um dos motivos que fazem com que a gente se conscientize que não devemos de forma alguma criar os bichinhos em cativeiro. Por melhor que sejam nossas intenções, nunca podemos evitar que isso possa acontecer com um animal que criamos. 

Outro dia apareceu em minha rua um homem com este Galo de Campina criado em cativeiro, só que este aí não precisava de gaiola, vivia solto, tinha muita intimidade com as pessoas, mas o coitadinho vivendo assim em território de seus predadores, é muito difícil não virar vitima de um gato malvado.         

Nenhum comentário: