domingo, 24 de agosto de 2014

A CAMPANHA QUE NÃO LEVA O POVO À RUA

Domingo, 24 de agosto, faltando apenas 42 dias para a eleição não vemos em Mossoró motivação alguma das pessoas, os candidatos não estão conseguindo levar os eleitores para as ruas como nas campanhas anteriores.

O número de indecisos nunca visto, mostra que Mossoró está livre para os candidatos explorarem. Parece que os políticos nativos da cidade deixaram de ser opção única para os mossoroenses. Popularmente falando, a porteira de Mossoró está aberta para políticos oriundos de outras cidades.

Rosalba, que de besta não tem nada, como não pode ser candidata, está bem quietinha, sem dar apoio político a nem um dos candidatos, por isso ninguém
 mexe com ela, desta forma vai terminar seu mandato de uma forma menos constrangedora. Isso prova que toda pressão sobre ela parte sempre dos adversários políticos, como não é adversária, deixam ela de lado.

Vendo os números das pesquisas que foram até aqui divulgadas, não é preciso ser muito inteligente para se ter mais ou menos uma ideia de quem tem mais chances pelo menos nas chapas para governo e senado.

Robson e Fátima devem estar comemorando muito os números. Os dois são políticos que vêm de baixo para cima, de encontro com quem vem de cima para baixo, dificilmente eles não se encontram pelo caminho. Da mesma forma Dilma está sendo ameaçada por Marina Silva, acredito que o PT de Lula deve estar tomando algumas medidas para melhorar a campanha, da forma como está o projeto, reeleger fica difícil. 

Nenhum comentário: