terça-feira, 16 de outubro de 2012

O BLOG E O MEU TEMPO


Queria muito cuidar melhor desta página, só que o meu tempo é bastante corrido, tenho várias atividades durante o dia que necessitam de maior prioridade, na maioria das vezes essas atividades tomam todo o tempo que tenho e acabo não atualizando o blog com a frequência que eu gostaria.

Mesmo assim nunca pensei em deixar de fazer minhas postagens, elas são a melhor forma que encontrei de expressar meus interesses, mostram a forma de como penso diante dos acontecimentos do dia-a-dia na nossa cidade. De forma prática, vários amigos, de uma só vez, ficam sabendo o que eu acho, qual é a minha opinião sobre qualquer assunto, isso é muito gratificante pra mim.

Diferente dos profissionais da imprensa, que têm um foco direcionado ao lucro, o meu blog é pessoal, voluntariamente, informa as pessoas das notícias que a mídia profissional não tem interesse, só que muitas dessas informações são importantes para as pessoas.

Além de informar, é prazeroso você poder ter em suas mãos uma ferramenta que ajude a formar opinião dentro da sociedade.Veja só um exemplo de como é bom você ter seu próprio blog: Nessa campanha que passou, eu presenciei jornalistas que são tidos como bons na imprensa local de Mossoró, mudarem seus discursos da noite para o dia. Que coisa feia.

O que eu digo aqui no dia de hoje, vou dizer amanhã e no próximo ano, diferente desses jornalistas que passaram o tempo todo da campanha dizendo que Cláudia Regina não servia para ser prefeita de Mossoró.

Agora, Cláudia eleita, os mesmos jornalistas vêm a público dizer que acreditam que ela vai fazer uma boa administração, se acreditam amigos, porque vocês não disseram isso durante a campanha? Foi por dinheiro que estavam mentindo? Mesmo acreditando que ela seria a melhor, vocês preferiram dizer que ela não serviria como prefeita? Que Larissa Rosado era melhor para Mossoró? É isso que é jornalismo? Discordo plenamente.

Quem escreve para o povo ler, tem que ser sério, verdadeiro, honesto, com seu perfil, não pode ter duas caras.   

Nenhum comentário: