terça-feira, 26 de junho de 2012

PROFESSORES NA PRAÇA NÃO EDUCAM ALUNOS


O nosso país passa por um período de muita turbulência no setor público, a única coisa que os funcionários públicos se preocupam é com o dinheiro que vão receber no final do mês, esquecem de suas obrigações, dos seus deveres.

Greve é o nome mais comentado no país, inúmeras categorias com o mesmo objetivo que é sugar mais da sociedade sofrida que não tem direito a quase nada deste país, começando pelos políticos que aumentam seus salários sem justificativas.

Parecem que todos que trabalham para o público querem seguir o mesmo estilo dos políticos, subir cada dia mais e mais seus salários e o contribuinte que se vire para pagar as contas.

Como os professores das escolas publicas explicam não quererem trabalhar no setor privado? Eles poderiam muito bem abandonar o público e procurar emprego no setor privado, lá eles poderiam fazer greve a vontade.

No momento que estão correndo atrás de uma teta do governo fazem de tudo para entrar, depois que estão dentro querem se sentir donos do patrimônio público. Acorda Brasil.

Nenhum comentário: