terça-feira, 6 de março de 2012

NÃO PARECE TER INVERNO BOM

á chegamos ao dia 6 de Março e nada do inverno, apenas caíram umas chuvinhas que animaram os agricultores, mas foi só isso e nada mais, a dúvida continua: vai ou não vai ter inverno bom?

Na semana que passou ouvi no rádio uma entrevista com o professor da UFERSA José Espíndola, conhecido por estudar os fenômenos da natureza aqui na região, ele disse que não tem como saber se vai haver um bom inverno.

Espíndola explicou que quando acontece o fenômeno “el niño” as águas da oceano  aquecem e não vem chuva e quando acontece o outro fenômeno por nome de  “La niña” acontece o contrario, a água esfria, e vêm as chuvas e tem inverno tudo depende do comportamento do oceano.

O curioso é que Espíndola disse que neste ano houve la niña, só que as águas continuam aquecida e as chuva não aparecem desanimando os nordestinos que vivem da agricultura familiar. Questionado sobre como acha que será o inverno, ele disse que há 25% de chances de ser ruim, 45% de ser regular e 30% de ser bom.

Com esses números podemos constatar que não temos previsões, continuaremos apostando nas experiências do homem do campo, por exemplo, há dias atrás, no período do Carnaval, choveu bem durante três dias, no último dia apareceram as tanajuras e não choveu mais. Disso eu já sabia: ou chovia no mesmo dia ou passaria vários dias sem chover. 

Nenhum comentário: