domingo, 5 de fevereiro de 2012

POLÍTICA SÓ PARA RICOS

Ser candidato a um cargo político não é tão simples assim como parece, a justiça eleitoral exige muito pouco, só que, o partido exige muito. Por esse motivo é que vivemos uma democracia de faz de conta, quem manda no país são os ricos, herdeiros do poder. Com esse modelo político atual é impossível ter a democracia que sempre foi sonhada pela população.

Para ser candidato à cargos como prefeito, vereador ou outro cargo político de uma cidade, a justiça eleitoral exige apenas uma boa conduta, ter mais de 18 anos, ser registrado no TRE por um ano no município onde ele pretende ser candidato e ter filiação partidária a pelo menos um ano em qualquer partido.

O problema é que o partido só registra em troca de algo que o beneficie, para se filiar tem que ter histórico de vida pública e garantir vantagens ao partido, mesmo assim é o partido que diz quem vai ser candidato. Só será escolhido pelo partido o candidato que tem garantia de lucros de muitos votos, de preferência candidatos que têm recursos próprios para campanha.

Fazendo as contas direitinho, dá para ver que tudo é comprado por muito dinheiro, só que a “mercadoria“ tem margem de lucro exorbitante e quem paga é o povo que vota na voluntariedade, orgulhoso de estar fazendo o papel de cidadão.

Nenhum comentário: