quarta-feira, 20 de julho de 2011

O FRACASSO DA GREVE

Agora a noite ao passar pela sede do SINTE-Mossoró, na Avenida Abel coelho,no Abolição ll, estava acontecendo uma assembléia dos professores, que estão de greve.  O assunto em pauta era o fim da greve. Vendo o movimento de perto nota-se uma categoria desanimada, e sem as mínimas condições de dar continuidade ao movimento.

A revolta é generalizada entre eles com o governo, cada um ao falar deixa claro transparecer a certeza de que a greve não foi lucrativa para a categoria e que, tudo que eles puderem fazer daqui para frente farão para dá o troco ao governo. Tudo isso faz com que se entenda que a greve não beneficia ninguém, os sindicalistas deveriam ter mais responsabilidade com esses movimentos.

Depois de tudo isso, o que o sindicato tem a dizer aos que foram incentivados a greve? É preocupante o estado em que se encontra a relação entre governo e professores, no meio desse redemoinho ficam os alunos prejudicados sem ter culpa. Não acredito que com essa revolta da categoria tenha aulas com a qualidade que dê para se aproveitar o ano letivo.

Um comentário de um professor me chamou atenção, ao dizer que se sentia culpado por não ter os alunos juntos com eles na luta da greve, “nós não estávamos ensinando a eles a cidadania” disse o professor, vendo assim parece uma simples frase, mas analisadas dá para vermos o que pode fazer uma categoria.

Nenhum comentário: