quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

VIOLÊNCIA

Meu caro amigo leitor, me empreste a sua atenção para eu falar um pouco da nossa situação diante essa guerra urbana travada na região.

Não há mais religião, respeito, amor nem paz, a violência domina as camadas sociais, os governantes perdidos não sabem mais o que fazem, os jovens se matando,e a ordem ficou pra traz.

A polícia incapaz de punir os assassinos, as famílias revoltadas com os parentes sumindo, crianças virando adultos na idade de menino, com armas e drogas nas mãos muda todo destino.

Não querem mais o ensino que vem da religião, abandonaram a igreja onde está a solução, o ódio domina o homem muda o seu coração, tornado ele uma fera que mata o seu irmão.

Estamos na contramão, do jeito que vai não dá, temos que ser radicais, de toda forma tentar acabar com a violência antes dela nos matar.

Nenhum comentário: